Colunista SeducOnline: CLÁUDIO JOAQUIM

Colunista: CLÁUDIO JOAQUIM
Tecnologia da Educação

Conceitualização histórica da Educação a Distancia - Parte I

SeducOnline Matéria: Conceitualização  histórica da Educação a Distancia - Parte I


Descrição:Iniciamos esse texto buscando a origem etimológica da palavra educação. Encontramos 'educar' que tem origem no latim “educare” - criar, educar, instruir, “educere”, verbo composto do profixo “ex” (fora) + “ducere” (conduzir, guiar, liderar, levar), de uma

"A palavra educação tem sua origem do latim - educare, que siginifica alimentar, criar, logo se pode concluir que educação é algo propiciado a alguém para sua existência e projeção, seja no âmbito social ou individual..

Do ponto de vista social, educação é o que tudo que se aprende ou se absorve nas trocas de conhecimento e saberes de um determinado grupo, através dos seus hábitos e costumes, desde o momento que nascemos até o último instante das nossas vidas, ou seja, tudo que é deve-se a um determinado meio e as pessoas com as quais se vive."

Página 9 - Avaliação e Currículo - José F. Paz & Néstor Raúl G. Gutiérrez - Clube de Autores, 25 de mar de 2009 - 63 páginas

Segundo o dicionário Michaellis Online:

sf (lat educatione) 1 Ato ou efeito de educar. 2 Aperfeiçoamento das faculdades físicas intelectuais e morais do ser humano; disciplinamento, instrução, ensino. 3 Processo pelo qual uma função se desenvolve e se aperfeiçoa pelo próprio exercício: Educação musical, profissional etc. 4 Formação consciente das novas gerações segundo os ideais de cultura de cada povo. 5 Civilidade. 6 Delicadeza. 7 Cortesia. 8 Arte de ensinar e adestrar os animais domésticos para os serviços que deles se exigem. 9 Arte de cultivar as plantas para se auferirem delas bons resultados. E. física: a que consiste em formar hábitos e atitudes que promovam o desenvolvimento harmonioso do corpo humano, mediante instrução sobre higiene corporal e mental e mediante vários e sistemáticos exercícios, esportes e jogos.

http://michaelis.uol.com.br/moderno/portugues/
index.php?lingua=portugues-portugues&palavra=educa%E7%E3o

Educação a distância pode ser definida como uma modalidade educacional e como um processo de ensino e aprendizagem, onde professor e alunos estão separados por espaço e/ou tempo, ligados didatico-pedagógico em um processo de ensino e aprendizagem diante da utilização de meios de tecnologia e informação e comunicação (TICs).

Segundo Decreto 5.622, de 19.12.2005 da LDB – Brasil.

A Educação a Distância é a modalidade educacional na qual a mediação didático-pedagógica nos processos de ensino e aprendizagem ocorre com a utilização de meios e tecnologias de informação e comunicação, com estudantes e professores desenvolvendo atividades educativas em lugares ou tempos diversos. Esta definição está presente no Decreto 5.622, de 19.12.2005 (que revoga o Decreto 2.494/98), que regulamenta o Art. 80 da Lei 9.394/96 (LDB) .

Segundo Moore y Kearsley(2007. p.2):
Educação a Distância é o aprendizado planejado que normalmente ocorre em lugar diverso do professor e como conseqüência requer técnicas especiais de planejamento de curso, técnicas instrucionais especiais, métodos especiais de comunicação, eletrônicos ou outros, bem como estrutura organizacional e administrativa específica.

Segundo Peters (1973):
Educação a distância, é um método racional de partilhar conhecimento, habilidades e atitudes, através da aplicação da divisão do trabalho e de princípios organizacionais, tanto quanto pelo uso extensivo de meios de comunicação, especialmente para o propósito de reproduzir materiais técnicos de alta qualidade, os quais tornam possível instruir um grande número de estudantes ao mesmo tempo, enquanto esses materiais durarem.

Segundo Litwin (2001)
“A EaD não se configura mais pela distância, pois a virtualidade possibilita encontros cada vez mais próximos e efetivos que promovem a educação. Para ela, a característica que diferencia essa modalidade é a midiatização das relações entre docentes e alunos.

Segundo Moran (2012)
Educação a distância é o processo de ensino-aprendizagem, mediado por tecnologias, onde professores e alunos estão separados espacial e/ou temporalmente.

É ensino/aprendizagem onde professores e alunos não estão normalmente juntos, fisicamente, mas podem estar conectados, interligados por tecnologias, principalmente as telemáticas, como a Internet. Mas também podem ser utilizados o correio, o rádio, a televisão, o vídeo, o CD-ROM, o telefone, o fax e tecnologias semelhantes.

http://www.eca.usp.br/prof/moran/dist.htm publicación 11 de febrero de 2012, acessado em 31 de julho de 2015.

A Educação a Distância (EaD) surgiu por conta da necessidade de preparar profissionais que por diversos motivos não podem frequentar uma escola tradicional. O conceito de EaD vem mudando e adaptando-se às novas realidades da tecnologia que cada dia está mais presente nesse processo e modalidade educativa. Na EaD o espaço físico deixa de ser algo a ser considerado como predominante pois o professor agora tem um perfil dinamizador ou tutor e em muitas vezes pode estar presente de maneira virtual, porém com um diálogo direto e em alguns casos, com interações interligadas aos alunos muito além das fronteiras da sala de aula. Cito um exemplo de um professor que está dando uma classe, porém está distante um continente e mesmo assim está virtualmente conversando com a turma, tirando dúvidas, fazendo comentários, propondo investigações, etc. O termo educação a distância em verdade nos dá ferramentas para fazer uma educação próxima e colaborativa.

Vivemos em uma verdadeira sociedade da informação onde televisores inteligentes, celulares, Internet, computadores, consoles de jogos e objetos tecnológicos diversos, servem para transmitir informações e por isso cremo que o desafio mais importante não é mais como obter informações, porém como trabalhar essa informação de maneira crítica, evitando assim uma pedagogia bancária (Freire, 2001). A educação a distância apresenta desafios diários para o professor/tutor e aluno frente as novas tecnologias constantemente integradas nesse processo educativo.

Por conta desses avanços, muitas pessoas imaginam que a educação a distância é somente feita com a utilização de tecnologias recentes e Internet, porém sua história é mais ampla e vem de séculos passados. Iniciaremos escrevendo alguns dos marcos importante para o desenvolvimento mundial da EaD e depois sobre os marcos no Brasil.

A educação a distância já existe desde séculos anteriores, porém muitos autores citam que o início da EaD iniciou com as epístolas de São Paulo ou até as cartas de Platão, essas concepções históricas são muito discutidas por diversos autores, se são ou não marco na história da EaD.

"É comum lermos artigos, livros e até mesmo teses de doutorado que situam a origem da educação a distância em épocas cada vez mais remotas. Até as epístolas de São Paulo e os 10 Mandamentos bíblicos já foram citados como um dos marcos iniciais da EAD.(..)"
Página 19

Cenários e Modalidades da EAD
Antonio Simão Neto - 2012 - IESDE Brasil - 216 páginas - Curitiba - PR
"Ao analisar o histórico da EAD, Peters(2003) atribui a São Paulo (que escreveu suas famosas epístolas para ensinar cristãos da Ásia Menor como viver com cristãos em um ambiente desfavorável) as primeiras experiências realizadas nesta modalidade de ensino, pois usou as tecnologias da escrita e dos meios de transporte para realizar seu trabalho missionário, sem ter sido forçado a viajar."
Página: 2

EAD na prática - Planejamento, métodos e ambientes de educação online - Dilermando Piva, Jr - Ricardo Pupo - Luciano Gamez - Saullo Oliveira.
Editora Elsevier- 2011 - São Paulo - SP - 196 páginas.

"O ensino a distância não é uma modalidade nova de ensino. Maia e Mattar(2007) consideram que a EaD tem a idade da escrita. Interessante dizer qu em sociedades onde a escrita ainda não está estabelecida, é necessária a presença física para transmissão das informações e conhecimentos. Com a invenção da escrita, tornou-se possível a comunicação sem a necessidade das pessoas estarem presentes no mesmo local e momento. Alguns autores citam as epístolas de São Paulo (LOSSO, 2002) e as cartas de Platão (MAIA; MATTAR, 2007) como exemplos de exercício inicial da educação a distância, considerando seu conteúdo como didático e direcionado a grandes comunidades. (...)"
Página 18
O Papel Do Tutor Na Ead - Gabriel Costa Neto - 1 de junho de 2008 - Clube de Autores - Editora - 95 páginas.
Adicione seu comentário:
Últimas Postagens
  • SeducOnline Matéria: Conceitualização  histórica da Educação a Distancia - Parte I
    Conceitualização histórica da Educação a Distancia - Parte I

    Iniciamos esse texto buscando a origem etimológica da palavra educação. Encontramos 'educar' que tem origem no latim “educare” - criar, educar, instruir, “educere”, verbo composto do profixo “ex” (fora) + “ducere” (conduzir, guiar, liderar, levar), de uma